A partir de fevereiro deste ano, a Comissão Nacional dos Direitos Humanos (CNDH) do México coordenará na Cidade Juárez a instalação de um comitê regional contra o Tráfico de Pessoas.

O comitê de Juárez será um dos 10 que em nível nacional que paralelamente se integrarão para concentrar informação que permita implementar ações conjuntas para fortalecer o marco legal, social e institucional, informou a CNDH em um comunicado de imprensa.

A integração e o funcionamento dos comitês permitirá intercambiar e concentrar informação de maneira ágil e oportuna, assim como implementar ações conjuntas para o fortalecimento do marco legal na matéria, à salvaguarda dos grupos mais vulneráveis e à reinserção social das vítimas.

Os comitês regionais que serão instalados, darão cobertura nacional e terão suas sedes nas cidades de Tijuana, Baixa Califórnia; Cidade Juárez, Chihuahua; Nogueiras, Sonora; Reynosa, Tamaulipas; Aguascalientes, Coatzacoalcos, Vera cruz; Villahermosa, Tabasco; Tapachula e San Cristóbal de las Casas em Chiapas.

De acordo com a informação divulgada, a coordenação de esforços por meio dos comitês, faz parte do recentemente criado Programa contra o Tráfico de Pessoas, mediante o qual a CNDH procura desde a perspectiva de proteção e salvaguarda dos direitos humanos, atender de maneira integral este fenômeno em suas vertentes jurídica, institucional e social.

A CNDH espera que uma vez que se sancione a Lei para Prevenir e Sancionar o Tráfico de Pessoas, se avance na homogeneização dos marcos legais federais e estatais, e se consolide uma perspectiva multilateral que permita também uma coordenação internacional contra esse fenômeno.

No ano passado o Instituto Nacional de Migração (Inami) que também está integrando grupos interinstitucionais contra o Tráfico de Pessoas, detectou e atendeu vítimas deste delito procedentes de outros países, indicou então a comissionada do Inami, Cecilia Romero.

No entanto a funcionária indicou que esta atividade se apresenta com características similares em toda a fronteira norte do país onde operam geralmente redes organizadas as quais se pretende combater através dos grupos interinstitucionais que se estão formando em cada estado do país.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.