Homem era procurado pela Polícia Federal estava em um sítio utilizado por seita religiosa

Um homem condenado em 2006 por tráfico internacional de pessoas e prostituição e que estava foragido da Justiça brasileira, foi preso nesse sábado, em Capivari do Sul. Ele foi localizado em um sítio pela Polícia Federal na RS 040. O local era utilizado para serem realizados cultos de uma seita religiosa (xamanismo), sob o comando do procurado.

Ao perceber que iria ser preso, o homem resistiu e agrediu dois policiais federais. Os envolvidos foram atendidos no Hospital de Pronto Socorro de Porto Alegre. Conduzido à Polícia Federal, foi autuado em flagrante por desacato e resistência.

O homem era procurado pela PF desde 2009, quando teve expedido contra si mandado de prisão em virtude de sentença condenatória. Havia fugido em duas tentativas de prisão, uma pela PF e outra pela Polícia Civil. Ele atuava no aliciamento de mulheres sob falsas promessas de obtenção de lucros elevados para exercer a prostituição no estrangeiro, nas cidades de Hamburgo, na Alemanha, e Ibiza, na Espanha.

O condenado formalizava os convites às mulheres e, juntamente com a irmã (também condenada), providenciava a obtenção dos passaportes, o pagamento das taxas devidas e a compra das passagens aéreas. Outro integrante do grupo recebia as mulheres no aeroporto, fazendo-lhes a entrega dos documentos e embarcando-as no avião com destino à Europa, agindo como “coordenador” da viagem. O preso foi encaminhado ao Presídio Central de Porto Alegre, permanecendo à disposição da Justiça.

Fonte: http://www.correiodopovo.com.br/Noticias/?Noticia=481339

Enhanced by Zemanta

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.