No dia 13 de maio, o Brasil comemora 120 anos do fim da escravidão. Mas, infelizmente, até hoje ainda são encontrados alguns trabalhadores nessa situação em nosso País.

Por isso, está em tramitação a Proposta de Emenda à Constituição 438, de 2001. A proposta determina que as propriedades onde foram encontradas trabalhadores escravos deverão ser expropriadas, quer dizer, os proprietários deverão perder a posse da terra.

Apoio

A PEC ainda está esperando para ser votada. Mas o ministro do Trabalho, Carlos Lupi, já deixou claro que é a favor da medida.

O ministro também elogiou o trabalho do Grupo Móvel, formado por fiscais do Ministério do Trabalho, da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), das polícias Federal e estaduais e de organizações não-governamentais, as ONGs. (…)

“O Brasil está agindo. Não estamos esperando os organismos internacionais virem e denunciarem o trabalho escravo”, afirmou o ministro.

Fonte: http://www.plenarinho.gov.br/noticias/agencia_plenarinho/ver_noticia.html?ui=5616154132495176511&id=explora-trabalho-escravo-perde-a-propriedade

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.