Um casal de irmãos foi preso na tarde de segunda-feira (24) ao tentar comprar um menino de cinco dias de vida no município de Senador Canedo (GO). A Polícia Civil suspeita que eles praticavam tráfico de crianças para o exterior.

De acordo com o delegado Giuliano Lima, da delegacia de Senador Canedo, a mãe do bebê foi procurada pelos irmãos –Anderson Abrantes Dias, 35, e Nádia Abrantes Dias, 39– no dia 13 de novembro, quando ainda estava grávida. Inicialmente, eles ofereceram R$ 8.000 pela criança, mas diante da recusa da mãe, o preço subiu para R$ 30 mil.

A mãe da criança afirmou aos irmãos que concordava com a venda, mas procurou o Conselho Tutelar, onde denunciou o crime. A Polícia Civil foi acionada e fez a prisão dos dois no momento em que seria feita a venda do bebê, às 16h de ontem, em uma rua no centro de Senador Canedo, informou o delegado.

Foram apreendidos cheques que totalizavam R$ 20 mil e um celular com os irmãos. Com base em algumas mensagens de texto encontradas no telefone, a polícia afirma acreditar que a criança seria levada para Genebra, na Suíça.

Devido a suspeita de tráfico de seres humanos, a Polícia Federal foi informada sobre o caso na tarde desta terça-feira e deve assumir as investigações, informou o delegado.

A mãe e a criança estão sob a proteção da Polícia Civil de Senador Canedo.

Fonte: http://www.portalms.com.br/noticias/Irmaos-sao-presos-ao-tentar-comprar-bebe-em-Senador-Canedo-GO/Campo-Grande/Policial/27057.html

One thought on “Irmãos são presos ao tentar comprar bebê em Senador Canedo (GO)”

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.