Ver mapa-NepalA polícia do Nepal deteve um médico indiano suspeito de comandar uma rede ilegal de transplante de rins na Índia, informou um oficial das forças nepalesas de segurança. A caçada internacional ao médico foragido, identificado como doutor Amit Kumar, terminou na noite de ontem, quando a polícia nepalesa o prendeu em um resort na selva de Chitwan, 160 quilômetros ao sul de Katmandu, informou Kiran Gautam, comandante da polícia local. A polícia indiana procurava Kumar por suspeitar que ele chefiasse uma rede ilegal de transplante e tráfico de órgãos humanos em Gurgaon, um bairro nobre de Nova Délhi.

Kumar é suspeito de ter removido ilegalmente centenas de rins – em muitos casos sem a autorização dos pacientes. Com o médico, a polícia apreendeu US$ 230 mil em dinheiro e um cheque de valor equivalente a US$ 24 mil. Acredita-se que Kumar tenha vendido cerca de 500 rins a clientes que viajaram à Índia procedentes de diferentes partes do mundo ao longo dos últimos nove anos. Há denúncias de doações forçadas, sob a mira de revólveres. O médico já havia sido acusado anteriormente de comandar redes similares em outras partes da Índia. No mês passado, autoridades indianas disseram ter informações de que o médico teria fugido do país e a Interpol foi acionada.

O baixo custo dos serviços médicos na Índia transformou o país num destino popular entre estrangeiros que precisavam desde lipoaspirações a cirurgias cardíacas. Sriprakash Jaiswal, secretário de Interior da Índia, manifestou a esperança de que Kumar seja extraditado logo, informou o jornal The Times of India. Antes, porém, Kumar deverá ser processado no Nepal por não ter declarado o dinheiro apreendido com ele, disse Upendra Aryal, um alto oficial da polícia nepalesa. Também foi aberta uma investigação para apurar se Kumar envolveu-se em transplantes ilegais de rins dentro do Nepal, já que ele, segundo investigações, visitava com freqüência o país e iria construir um hospital especializado em transplante de rins, disse Aryal.

Fonte: (AE-AP)

One thought on “Médico indiano procurado pela Interpol é preso no Nepal”

  1. Eu acho isso um absurdo muito grande. Eu acho que deve ter pessoas importantes por trás disso, ganhando muito dinheiro. Gostaria de saber quando isso vai acabar? Temo pelos meus filhos! Tenho muito medo.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.