O vice-ministro da Justiça do Brasil, Luiz Paulo Ferreira, assinou no dia 08 de outubro de 2008, ao lado de ministros e representantes ministeriais de 34 países das Américas, um documento concordando com a criação de uma frente continental contra o crime organizado internacional, a insegurança e a violência na região.

A assinatura do documento aconteceu ao final da primeira reunião de ministros da Segurança Pública das Américas, realizada na capital mexicana com o apoio da Organização dos Estado Americanos (OEA).

Participaram do encontro o secretário-geral da OEA, José Miguel Insulza, que propôs a reunião de ministros, assim como o ministro da Defesa Nacional da Colômbia, Juan Manuel Santos, o secretário da Segurança Interna da Argentina, Héctor Masquelet, e o ministra do Interior do Uruguai, Daisy Tourné.

O secretário de Segurança Pública do México, Genaro García Luna, disse que, com o “Compromisso de Segurança Pública das Américas”, foi assumida a co-responsabilidade e “uma só vontade de ação” para criar uma frente comum transnacional contra a criminalidade.

Essa frente abrange o compromisso de fortalecer a segurança das fronteiras, modernizar os sistemas penitenciários e melhorar o intercâmbio de informação policial.

O documento assinado estabelece também o compromisso de promover políticas de Estado de longo prazo, no âmbito da segurança pública, com pleno respeito pelos direitos humanos.

Fonte: ANSA

Para baixar o Documento do Acordo de Cooperação na íntegra clique aqui

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.