O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) anunciou no dia 18 de março a detenção de seis cidadãos portugueses por tráfico de pessoas e lenocínio qualificado, na sequência de uma operação realizada em Famalicão, Portugal, durante a qual foram identificadas 45 mulheres estrangeiras.

A denominada Operação Escalada do Monte decorreu durante a madrugada de domingo, tendo como objetivo o cumprimento de quatro mandados de busca domiciliária e dois mandados de busca a bares de diversão nocturna.

Os seis cidadãos portugueses foram detidos num estabelecimento de diversão noturna em flagrante delito pela prática dos crimes de tráfico de pessoas e lenocínio qualificado, estando ainda indiciados pelo crime de associação de auxílio à imigração ilegal.

No mesmo estabelecimento encontravam-se também 15 das 45 cidadãs estrangeiras que foram identificadas durante esta operação.

Os seis homens vão aguardar julgamento em liberdade, tendo-lhes sido imposta a proibição de contactarem com as mulheres que se encontravam no estabelecimento de diversão nocturna onde foram detidos.

Nesta operação, o SEF apreendeu ainda 150 mil euros em dinheiro, duas armas ‘shot-gun’ e sete viaturas, das quais duas de “elevado valor patrimonial”.

Fonte: Diário Digital de Portugal

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.