Bruxelas, 6 dez (EFE).- O município de Amsterdã anunciou hoje um plano para reduzir pela metade o número dos chamados coffeeshops, locais onde é permitido vender e fumar maconha, e das vitrines de prostituição em seu centro histórico, com o objetivo de conter a criminalidade. O Conselho Municipal pretende “transformar o centro da cidade em […]

Read More