Brasileira morta na Itália pode ser vítima de tráfico humano

A brasileira Veronica Crosati, encontrada morta na última terça-feira em um apartamento em Milão, pode ter sido vítima de uma gigantesca rede de tráfico humano que supriria cerca de 50% do mercado de prostituição “caseira” na metrópole italiana. A denúncia foi feita por Valerio Pedroni, da associação de voluntários Segnavia, Continue Reading